Centenas de pessoas presas durante a eleição em todo Brasil

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

26 de outubro de 2014

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O diretor do Departamento de Comando e Controle Integrado, da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, coronel Antônio Scussel, informou que foram contabilizadas até o momento 40 ocorrências de crime eleitoral, a maioria no interior do estado. Cinco pessoas foram presas em flagrante por boca de urna em São Leopoldo, na região metropolitana de Porto Alegre. Também foram registrados casos de distribuição de santinhos e material de propaganda, além de transporte irregular de eleitores.

Duas pessoas foram detidas no Distrito Federal (DF) fazendo boca de urna, uma em Sobradinho e outra em Ceilândia, regiões administrativas. “Todas as forças de segurança estão unidas, observando os 599 locais de votação do DF”, assegurou o diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral, Arthur Cézar da Silva, em entrevista coletiva.

O procedimento padrão para situação de boca de urna é conduzir o infrator à delegacia e lavrar um termo circunstanciado. Em seguida, o infrator é liberado sob pagamento de fiança.

Fontes

http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2014-10/no-rio-grande-do-sul-tres-pessoas-foram-presas-por-boca-de-urna http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2014-10/duas-pessoas-sao-detidas-no-dfpor-boca-de-urna

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit