Brasil pede garantia de que ações americanas se limitem ao território colombiano

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

7 de agosto de 2009

O governo brasileiro quer garantias formais de que eventuais operações militares norte-americanas em território colombiano fiquem restritas ao país. Ontem (7), o presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, esteve em Brasília para conversar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a instalação de bases militares americanas em território colombiano.

“O Brasil quer que haja transparência em todas as decisões que disserem respeito a esses temas e acredita que é fundamental que algum tipo de garantia formal, de garantia jurídica, seja dada no sentido de que eventuais operações ocorram estritamente dentro do território colombiano”, disse o porta-voz da presidência da República, Marcelo Baumbach.

O presidente Lula considerou positiva a iniciativa de Uribe de discutir o assunto, mas avaliou que as explicações recebidas não esgotaram o tema. Segundo Baumbach, Lula considera que ainda serão necessárias discussões adicionais com os países da América do Sul.

Antes de chegar ao Brasil, Álvaro Uribe passou pelo Peru, Chile, Paraguai, Uruguai e pela Bolívia para explicar a presença das bases ao presidentes de cada um desses países. Venezuela e Equador não receberam visitas por causa de divergências entre Uribe e os dois mandatários.


Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati