Brasil anuncia suspensão de acordos de isenção de vistos com Honduras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

3 de setembro de 2009

O governo brasileiro anunciou hoje (3), por meio do Ministério das Relações Exteriores, a suspensão dos acordos com Honduras de isenção de vistos diplomáticos, oficiais ou de serviço e o acordo de isenção parcial de vistos em passaportes comuns, assinados em agosto de 2004.

A suspensão passa a valer a partir deste sábado (5). Com isso, todo portador de passaporte hondurenho precisará de visto para entrar no Brasil. A decisão não afeta dos hondurenhos que já estão no país em situação legal.

O Brasil comunicou a suspensão do acordo no último dia 1º à Organização dos Estados Americanos (OEA). A chanceler de Honduras, Patricia Rodas, na OEA, agradeceu o governo brasileiro por demonstrar apoio à restauração da ordem democrática em seu país.

De acordo com o Itamaraty, a decisão está baseada em resoluções da OEA e da Organização das Nações Unidas (ONU) de não reconhecer o governo que foi instaurado com o golpe que retirou do poder o presidente eleito de Honduras, Manuel Zelaya, no dia 28 de junho último.

Hoje, Zelaya está em Washington D.C., onde participa de uma reunião com a secretária de Estado, Hillary Clinton, para pedir novamente apoio do governo norte-americano para voltar ao seu país, segundo a agência de notícias argentina Télam. Dessa vez, o presidente constitucional hondurenho espera ter uma declaração de apoio contundente dos Estados Unidos, rechaçando o golpe de Estado em seu país.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati