Brasil anuncia suspensão de acordos de isenção de vistos com Honduras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

3 de setembro de 2009

O governo brasileiro anunciou hoje (3), por meio do Ministério das Relações Exteriores, a suspensão dos acordos com Honduras de isenção de vistos diplomáticos, oficiais ou de serviço e o acordo de isenção parcial de vistos em passaportes comuns, assinados em agosto de 2004.

A suspensão passa a valer a partir deste sábado (5). Com isso, todo portador de passaporte hondurenho precisará de visto para entrar no Brasil. A decisão não afeta dos hondurenhos que já estão no país em situação legal.

O Brasil comunicou a suspensão do acordo no último dia 1º à Organização dos Estados Americanos (OEA). A chanceler de Honduras, Patricia Rodas, na OEA, agradeceu o governo brasileiro por demonstrar apoio à restauração da ordem democrática em seu país.

De acordo com o Itamaraty, a decisão está baseada em resoluções da OEA e da Organização das Nações Unidas (ONU) de não reconhecer o governo que foi instaurado com o golpe que retirou do poder o presidente eleito de Honduras, Manuel Zelaya, no dia 28 de junho último.

Hoje, Zelaya está em Washington D.C., onde participa de uma reunião com a secretária de Estado, Hillary Clinton, para pedir novamente apoio do governo norte-americano para voltar ao seu país, segundo a agência de notícias argentina Télam. Dessa vez, o presidente constitucional hondurenho espera ter uma declaração de apoio contundente dos Estados Unidos, rechaçando o golpe de Estado em seu país.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati