Brasil: Rodrigo Maia, ex-presidente da Câmara, é expulso do DEM por críticas a ACM Neto

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

15 de junho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O DEM (Democratas) anunciou ontem à noite em seu Twitter que "em reunião realizada nesta segunda-feira (14), a Executiva Nacional do Democratas decidiu expulsar o deputado Rodrigo Maia (RJ) de seu quadro de filiados". No entanto, Maia disse pouco depois, também no Twitter, que havia pedido sua desfiliação anteriormente.

Segundo o DEM, maia cometeu "infração disciplinar".

Após as postagens do partido, Maia escreveu: "O DEM decidiu me expulsar de seus quadros. O presidente Torquemada Neto, usando o seu poder para tentar calar as merecidas críticas à sua gestão, tomou essa decisão. É lamentável o caminho imposto pelo Torquemada para o partido. Não só por isso, mas também pela sua deslealdade e falta de caráter, pedi a minha desfiliação. O partido diminuiu. Virou moeda de troca junto ao governo Bolsonaro. Agora é virar a página e juntar forças para um projeto de desenvolvimento do Brasil e em prol dos brasileiros".

A saída de Maia se deu devido à diferenças com o presidente do Democratas, ACM Neto, membro de uma família com longa tradição política na Bahia.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit