Avaí vence com um gol de goleiro.

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

Brasil • 22 de agosto de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Na última sexta feira (22 de agosto de 2008), Avaí e Paraná Clube se enfrentaram pela primeira partida do returno do Campeonato Brasileiro de Futebol da série B. Aos 12 minutos do primeiro tempo o fato inusitado aconteceu, o goleiro do Avaí Eduardo Martini foi repor a bola ao jogo com os pés em sua área, a bola saiu com uma velocidade enorme, bateu no gramado e encobriu o goleiro Marcos do Paraná entrando no gol e anotando 1x0 para o Avaí no placar. O goleiro não soube nem como comemorar o feito pois foi seu primeiro gol da carreira. Ao 35 minutos Marquinhos fez mais um belo gol, o centésimo gol do Avaí em jogos oficiais em 2008 no centésimo jogo de Marquinhos com a camisa do Leão da Ilha. Tomando as rédeas do jogo o Avaí foi para cima do Paraná mas não conseguiu ampliar e aos 45 minutos, num descuido da zaga Avaiana Cristian anotou para o Paraná.

No segundo tempo o técnico Silas do Avaí voltou com duas substituições em sua equipe Rafael Costa e Arlindo Maracanã entraram no lugar de Valber e Zé Rodolpho, respectivamente. Aos 8 minutos da etapafinal Odair fez grande jogada pelo lado esquerdo da área do Paraná e sofreu pênalti. Evando cobrou e fez seu uqrto gol em 4 jogos. O Avaí continuou mandando em todo o período e administrando o jogo até o seu final.

Ficha do jogo

AVAÍ 3x1 PARANÁ
Elenco do Avaí: Eduardo Martini; Ferdinando, Cássio, Émerson e Zé Rodolpho (Arlindo Maracanã); Marcus Vinícius, Batista, Marquinhos (Juliano) e Valber (Rafael Costa); Evando e Odair. Técnico: Silas

Elenco do Paraná: Mauro; Murilo, Daniel Marques, Leandro e Fabinho; Agenor, Vagner, Cristian e Gláucio (Elvis); Ricardinho (Cristiano) e Leonardo (Marcelinho). Técnico: Paulo Comelli

Gols: Eduardo Martini (A), aos 12, e Marqunhos (A), aos 36 e Cristian (P), aos 45 minutos do primeiro tempo; Evando (A), aos 8 minutos do segundo tempo;
Cartões amarelos: Batista, Marcos Winicius e Emerson (A); Gláucio, Ricardinho, Cristian, Vágner e Elvis (P)
Arbitragem: Willian Marcelo Souza Nery, auxiliado por Jackson Lourenço Massarra dos Santos e Francisco Pereira de Sousa (ambos do RJ)
Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)



Fontes