Ataque suicida mata 20 e fere 60 na Rússia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

17 de agosto de 2009

Nazrán, Rússia


Um terrorista suicida a bordo de um caminhão-bomba matou 20 e feriu 60 pessoas, após estacionar na frente do departamento do Interior de Nazrán, a maior cidade de Ingushétia, república cáucasa no sul da Rússia, perto da Chechênia.

O atentado ocorreu às nove da manhã hora local (05.00 GMT), quando os policiais se encontravam formados no pátio do recinto, indicaram fontes de Ministério do Interior ingushétio, citadas pela agências locais.

Num primeiro momento, de confusão, a polícia comunicou que a explosão tinha sido registrado num café junto às dependências do departamento do Interior, mas pouco depois o porta-voz da Presidência ingushétio, Kalói Ajílgov, corrigiu que o ataque tinha sido perpetrado por um terrorista suicida.

Segundo as estimativas, foi conduzido por um suicida, com o veículo em uma potência equivalente dentre 500 a 1.000 kg, que destruiu mais de 30 automóveis, em raio de 500 metros. Dos 20 mortos, seis foram identificados e eram funcionários do governo. Dos 60 feridos, 11 eram crianças, segundo Interfax Svetlana Gorbakova e o Newsru.com.

Este é o segundo atentado suicida em mais de um mês; em 22 de junho, um terrorista suicida detonou uma bomba na passagem da comitiva do presidente ingushétio, Yunus-bek Yevkúrov, que ficou gravemente ferido.

O presidente ingushétio, que reassumiu as funções na semana pasada, ordenou redobrar as medidas de segurança em todos os recintos e dependências policiais da república.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati