Até 2030, 42% da população dos Estados Unidos estarão acima do peso

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

8 de maio de 2012

Estados Unidos —


Brasília – Os Estados Unidos podem ter mais de 42% de sua população obesa até 2030, o equivalente a 32 milhões de pessoas a mais do que os números atuais, segundo estudo elaborado pela Universidade de Duke, na Carolina do Norte. O problema atinge principalmente os afrodescendentes e a comunidade de origem hispânica.

Os cientistas advertiram que é necessário tomar providências urgentes para evitar o agravamento da situação. O alerta ocorreu durante a conferência denominada O Peso de uma Nação. Pelo estudo, o número de pessoas acima do peso nos Estados Unidos eclodiou nos anos 1990, atingindo taxas três vezes maiores do que as registradas nos anos 1970.

De acordo com estudos mais recentes, em 2010, nos Estados Unidos, 36% dos adultos estavam acima do peso, o equivalente a 78 milhões de pessoas. A taxa de obesidade chegava a 17% da população entre crianças e adolescentes – aproximadamente 12,5 milhões de pessoas.

O assunto é tema de preocupação da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama. Ela comanda o movimento chamado Let’s Move (cuja tradução livre é Vamos Nos Mexer). A primeira-dama enviou uma mensagem de vídeo, apresentada na abertura da conferência, parabenizando o evento e disse que várias medidas estão sendo tomadas para enfrentar o problema.

Segundo Michelle Obama, “ainda há muito a fazer”. O Instituto Norte-Americano de Medicina deve publicar hoje (8) recomendações oficiais do país para tentar inverter essa tendência. Em 2008, a obesidade já custava US$ 147 bilhões aos Estados Unidos.

Fonte