Angola: Activista “ameaçado de morte”

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

23 de agosto de 2009

Samba, Angola


Um complô para assassinar Luis Araujo com o simulacro de assalto a sua residência acaba de ser denunciado.

O ativista terá sido avisado anteontem (21) por um dos homens do corpo de segurança das instalações onde funciona o escritório da SOS-Habitat, que fica localizado à marginal no bairro Benfica município da Samba.

Ouvido há instantes, perguntei da fiabilidade desta informação que recebeu e se não via nisso uma forma de o intimidar?

O ativista disse que estava a levar as coisas muito a sério, prometendo revelar mais pormenores na conferência de imprensa prevista realizar esta noite no cine-Miramar.

Recentemente retornado a Luanda de onde se ausentara por idênticas razões, o activista teve "um belo presente" logo depois do seu desembarque, ao presenciar as demolições nos bairros do Iraque e Bagdade que deixaram sem abrigo milhares de cidadãos, a propósito do que foi publicado o comunicado que denunciando esta ocorrência.

A SOS Habitat, é uma organização associativa que trabalha junto das comunidades, na defesa do direito a terra e a habitação.

Ligação Externa

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati