Agropecuária ocupa 50,3% do solo de todo o Paraná

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de janeiro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Lista de Cobertura Vegetal do Estado do Paraná, elaborada pelo Serviço Florestal Brasileiro, mostra que os empreendimentos agrícolas já ocuparam mais da metade do solo paranaense. De acordo com medições divulgadas em 2018 (e divulgadas recentemente), 50,3% do território do estado é agrícola. Numa divisão precisa, 33,7% do solo é destinado à agricultura e 16,62% à pecuária - principalmente nas regiões oeste e norte do Paraná.

O portal Livre.jor lista e publica esses dados em artigo de José Lázaro Jr.

Floresta madura representa apenas 17,84%. Mesmo se somarmos a área de floresta secundária (12,99%) e reflorestamento (6,77%) a esse percentual, não é a mesma proporção de terras ocupadas pela agricultura — 37,6% comparado a 37,6%, 50,3%. Não é por acaso que as áreas com maior erosão do solo também são áreas onde a agricultura e a pecuária são claramente dominantes.

Segundo o Serviço Florestal, há ocorrência de alvoroças e ravinas principalmente no Oeste e no Norte do Paraná, além de sulcos e marcas de erosão inicial. 37% da área vistoriada na pesquisa apresentou sinais de erosão. Ao olhar o estoque de carbono, a situação muda, havendo mais concentração dele do litoral até os Campos Gerais — região com as principais áreas de proteção ambiental do Paraná. Basta comparar os mapas e tirar as suas próprias conclusões.

Fonte


Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit