Adolescente morre em voo de volta a São Paulo, após viagem à Disney

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

Agência Brasil

Brasil • 2 de agosto de 2009

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Uma adolescente de 15 anos, que apresentava sintomas de gripe, morreu hoje (2), em um voo entre o Panamá e o aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (SP), após passar mal no avião, quando retornava de uma excursão à Disney World, nos Estados Unidos.

Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o voo chegou ao Brasil às 5h45 de hoje e Jaqueline Ruas já estava morta. A causa foi pneumonia, diagnosticada no Instituto Médico Legal (IML) de Guarulhos, para onde o corpo foi removido, de acordo com a Secretaria de Segurança de São Paulo.

Segundo Luiz Felipe Fortunato, diretor da Tia Augusta Turismo, empresa responsável pela excursão da adolescente aos Estados Unidos, Jaqueline viajou para a cidade de Orlando, estado da Flórida, no dia 19 de julho e passou mal, com sintomas de gripe e náuseas no dia 30, quando foi encaminhada a um hospital da cidade. Lá, foi submetida a vários exames, entre eles um para detecção de influenza A (H1N1), que deu negativo, e foi liberada para a viagem de volta.

Jaqueline embarcou ontem (1) à noite para o Brasil e faleceu durante o vôo, após ter sido atendida no avião por dois médicos. Ainda de acordo com a Secretaria de Segurança paulista, nos Estados Unidos os médicos já haviam diagnosticado pneumonia, mas, mesmo assim, liberaram Jaqueline para voltar ao Brasil. Ao revistar a bagagem dela, a polícia encontrou medicamentos.

Por meio de nota, a companhia aérea Copa Airlines, a empresa responsável pelo vôo, informou que a adolescente embarcou em Orlando com destino ao Brasil e conexão no Panamá. Durante o voo, ela pediu assistência médica.

Para salvaguardar a saúde da passageira e seguindo os protocolos internacionais de segurança estabelecidos, a tripulação solicitou imediatamente a presença de um médico a bordo. Dois profissionais se apresentaram, os quais aplicaram na passageira os primeiros socorros, dando a atenção médica devida.

—Nota da companhia aérea

Quando o avião pousou em Guarulhos, foi recebido pelo pessoal do posto médico do aeroporto, que constatou a morte de Jaqueline Ruas.


A Copa Airlines lamenta profundamente o fato e se encontra, neste momento, assistindo os familiares da passageira e trabalhando em conjunto com as autoridades locais. A Copa Airlines reitera que é sua prioridade a segurança e o bem-estar de seus passageiros e colaboradores.

—Nota da Copa Airlines

Luiz Felipe Fortunato disse que a empresa de turismo está à disposição para esclarecimentos e solidária à família da vítima, aguardando os laudos sobre a causa da morte da adolescente.

Fontes