A centro-direita avança no Parlamento Europeu

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

26 de maio de 2014

Europa

A centro-direita lidera as apurações das eleições para o Parlamento Europeu, que começaram na última quinta-feira e terminaram neste domingo (25). Os partidos têm até agora 211 cadeiras dos 751 assentos do Europarlamento, segundo projeções oficiais. Os socialistas ficam em segundo, com 193 cadeiras, seguidos pela extrema-direita, que aparece com 129. Grupos centro-liberais aparecem com 74 cadeiras, os partidos verdes com 58 e a extrema-esquerda com 47.

Na França, a ultradireitista Frente Nacional, se as projeções se confirmarem, alcançou uma vitória histórica, conquistando entre 24% e 25% dos votos, enquanto o Partido Socialista, do governo, obteve entre 14% e 15% dos votos. Na Alemanha, os conservadores (CDU/CSU), da chanceler Angela Merkel, com 36% dos votos, lideravam as apurações, apesar de um avanço do partido eurocético AfD e dos sociais-democratas do SPD. O recém-fundado partido eurocético alemão AfD, criado em 2013, receberia 6,5% dos votos, o que o permitiria entrar no Parlamento Europeu.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati