6 em cada 10 japoneses se opõem ao aumento de gastos com defesa

Fonte: Wikinotícias

19 de dezembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A Kyodo News do Japão informou no dia 18 que 6 em cada 10 cidadãos japoneses não apoiam um aumento de impostos para custos de defesa.

A Kyodo News realizou uma pesquisa por telefone em todo o Japão durante dois dias nos dias 17 e 18 e, como resultado, 64,9% afirmaram que não apoiam o aumento de impostos recentemente anunciado pelo primeiro-ministro japonês Fumio Kishida para fortalecer as capacidades de defesa.

30% dos entrevistados disseram que apoiavam. Um total de 1.051 pessoas responderam à enquete, com 425 respondendo por telefone fixo e 626 por telefone sem fio.

87,1% dos entrevistados responderam que a explicação do primeiro-ministro Kishida sobre o aumento de impostos para aumentar o orçamento de defesa foi "insuficiente", superando em muito os 7,2% que responderam "suficiente".

Enquanto isso, o índice de aprovação do primeiro-ministro Kishida permaneceu baixo em 33,1%, o mesmo nível do final de novembro, quando estava em seu nível mais baixo.

No dia 16, o governo japonês decidiu revisar três importantes documentos de segurança, incluindo a capacidades de contra-ataque e uma política de dobrar os gastos com defesa para cerca de 2% do PIB nos próximos cinco anos.

Fontes