49 pessoas morrem, 600 ficam feridos, dos quais 400 em estado grave, em grave acidente de trem em Buenos Aires, na Argentina

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

22 de fevereiro de 2012

Buenos Aires, Argentina — Pelo menos 49 pessoas morreram, de 600 ficaram feridas (destes com 400 em gravidade) depois do descarrilamento do trem(PT-BR) ou comboio(PT-PT) na manhã de hoje (22), em Buenos Aires, capital da Argentina, de acordo com o titular do Sistema de Atenção Médica de Emergência (Same), Alberto Crescenti. Até o começo desta tarde, havia pelo menos 30 passageiros presos em um dos vagões do trem. As operações de resgate envolvem bombeiros, policiais e todo o sistema de segurança da capital argentina. Há pouco, a Polícia Federal informou que há 49 mortos, 48 adultos e um menor de idade.

O trem de passageiros descarrilou por volta das 8 horas (9 horas em Brasília) no Once ("Onze" em espanhol), perto da Estación Once de Septiembre (Estação Onze de Setembro, que apesar do nome, não tem relação nenhuma em homenagem às vítimas dos atentados de 11 de Setembro nos Estados Unidos), a oeste de Buenos Aires. De acordo com os médicos que estão no local, a maior parte dos feridos sofreu poli-traumatismo. Os feridos foram levados para dois hospitais: Durant e Mejias Ramos.

O maquinista do trem ficou preso nas ferragens e teve de ser retirado pelos bombeiros. O ministro de Segurança da Argentina, Guillermo Montenegro, e o secretário de Esportes da cidade de Buenos Aires, Juan Pablo Schiavi, estiveram no local.

De acordo com alguns relatos, três carros do trem acabaram sendo destruídos. O acidente ocorreu justamente durante o horário de rush e maior fluxo de passageiros (ainda mais por ser feriado cristão de Cinzas). Nos últimos meses, houve vários acidentes ferroviários na Argentina. O penúltimo ocorreu em dezembro quando um trem colidiu com outro lotado de passageiros deixando 17 pessoas feridas.

Em setembro do ano passado, nove pessoas morreram e 212 ficaram feridas quando dois trens colidiram em um ônibus também em Buenos Aires.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati