Últimas das campanhas para as Presidenciais Portuguesas - 20 Janeiro

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de janeiro de 2006

Portugal


Cavaco Silva - Cavaco aproveitou ontem o comicio em Viseu para dramatizar a importancia de resolver as eleições logo na primeira volta, afirmando que domingo é "o dia de cuidar do futuro de Portugal".

Francisco Louçã - Louçã afirmou ontem em Matosinhos que Cavaco Silva está "desesperado e nervosíssimo" pois as sondagens mostram que Cavaco está a perder terreno. Louçã afirmou ainda que existem 1 milhão e meio de indecisos e apelou ao voto desses indecisos.

Jerónimo de Sousa - Jerónimo de Sousa apelou ontem no Seixal ao voto dos portugueses que estão descontentes com o Governo socialista como forma de o povo português "exigir uma ruptura democrática e de esquerda".

Manuel Alegre - Alegre teve ontem em Lisboa o ponto alto da sua campanha no Pavilhão Atlantico em Lisboa. A noite não começou a correr bem a Alegre pois às 21h00, hora prevista para o arranque da festa-comício, o recinto contava com apenas cerca de um quarto dos lugares ocupados e toda a plateia vazia, mas a situação acabou por "se compor" com a chegada de autocarros com apoiantes de todo o país

Mário Soares - Mário Soares criticou ontem em Lisboas aqueles que “desprezam os partidos e falam contra a política, mas que têm cartão de militante” numa clara referencia a Manuel Alegre. Soares fez também um sintese dos principais temas abordados na campanha e sublinhou o facto de não ter qualquer “interesse pessoal” na sua candidatura.

Ver também

Noticias de Ontem

Sondagem de Hoje

Fontes