Vladimir Putin e Olaf Scholz conversam por telefone

3 de dezembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O presidente russo, Vladimir Putin, e o chanceler alemão, Olaf Scholz, fizeram um telefonema no dia 2 para discutir o conflito na Ucrânia.

O Kremlin disse que o telefonema entre o chanceler alemão Scholz e o presidente Putin apontou a linha "destrutiva" do Ocidente em fornecer armas à Ucrânia e treinar forças ucranianas.

Ele argumentou que a rejeição total da Ucrânia a todas as propostas de negociação se deve ao amplo apoio político e financeiro que fornecem à Ucrânia.

O Kremlin disse que Putin pediu à Alemanha que reconsiderasse sua abordagem ao conflito na Ucrânia.

Putin também chamou o bombardeio do gasoduto Nord Stream de um ataque "terrorista" e insistiu que a Rússia fosse autorizada a participar da investigação.

Scholz instou Putin a encontrar uma solução diplomática para acabar com a invasão da Ucrânia. Ele acrescentou que isso incluía a retirada das tropas russas.

Enquanto isso, o governo alemão anunciou no dia 2 que enviaria mais sete veículos antiaéreos para a Ucrânia, informou Der Spiegel.

Fontes