Secretário de Estado Mike Pompeo visita Cisjordânia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de novembro de 2020

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, visitou nesta quinta-feira, 19, um colonato israelita, na Cisjordânia, antes de uma viagem igualmente sem precedentes aos Montes Golã, anexados à Síria.

Pompeo é o mais alto representante do Governo dos Estados Unidos a visitar a região.

Ele esteve na vinha Psagot, cujos escritórios estão localizados na zona industrial de Shaar Benjamin, parte dos colonatos israelitas da Cisjordânia ocupada.

A criação de colonatos israelitas nos territórios palestinianos cresceu muito nos últimos anos, sob a liderança do primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, e sobretudo desde a chegada de Donald Trump à Casa Branca.

Em conferência de imprens, Mike Pompeo anunciou que os produtos dos colonatos israelitas na Cisjordânia ocupada vão passar a ser rotulados como "Fabricados em Israel".

Em nota, o Departamento de Estado disse que a mudança na política de rotulagem é "consistente com a abordagem de política externa [norte-americana], que se baseia na realidade".

Netanyahu, que participou na conferência de imprensa, e Pompeo parabenizaram-se na ocasião pelas medidas tomadas durante a administração do Presidente Donald Trump, como o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel e a legalização dos colonatos.

Netanyahu, que disse que a relação EUA-Israel atingiu "níveis sem precedentes" durante a administração Trump e destacou os recentes acordos com Bahrein, Sudão e os Emirados Árabes Unidos.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com