Saltar para o conteúdo

Piratas que desviaram navio proveniente de Moçambique foram capturados

Fonte: Wikinotícias

14 de abril de 2024

Email Facebook X WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Navio suspeito de ser pirata no século 21

Em Garowe, na Somália pelo menos oito piratas envolvidos no desvio de um cargueiro que viajava de Moçambique foram apreendidos pelas autoridades de Puntland, um estado federal da Somália.

O anúncio da detenção deu-se pouco depois de dois piratas terem dito que haviam libertado o navio MV Abdullah e a sua tripulação em troco de cinco milhões de dólares.

O portal Garowe On Line, daquela região da Somália, citou um oficial da policia local como tendo confirmado as detenções e criticado o pagamento do resgate.

“A prática de pagar resgates pode servir para encorajar mais ataques dos piratas”, disse o agente que não identificado.

O navio MV Abdullah com bandeira do Bangladesh foi desviado em meados de Março com 23 tripulantes a bordo depois de deixar Moçambique a caminho dos Emirados Árabes Unidos. Desconhece-se o que é o cargueiro transportava de Moçambique.

Um porta voz dos proprietários do cargueiro, KSRM Group confirmou a libertação do navio “após negociações”. “Lançamos um acordo com os piratas”, disse o porta voz Mizanul Islam. “Não posso dizer mais nada sobre o dinheiro. A tripulação está em segurança e de boa saúde”, acrescentou. O navio está a caminho dos Emirados Árabes Unidos sob escolta de dois navios de guerra, disse a mesma fonte.

Fontes[editar | editar código-fonte]