Navios de guerra dos EUA e do Canadá passam pelo Estreito de Taiwan

22 de setembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Navios de guerra dos EUA e do Canadá passaram pelo Estreito de Taiwan em meio ao aumento das tensões militares entre os EUA e a China por causa de Taiwan.

A Marinha dos EUA disse em um comunicado que o destróier da classe Arleigh Burke USS Higgins (DDG76) e a fragata classe Halifax da Marinha Real Canadense (HMCS) passaram pelo Estreito de Taiwan hoje.

“Esta colaboração é fundamental para a nossa abordagem a esta região segura e próspera”, disse.

É a primeira vez que um navio de guerra dos EUA cruza o Estreito de Taiwan em um mês, e a viagem conjunta entre os Estados Unidos e o Canadá é a segunda desde outubro do ano passado.

A ministra da Defesa canadense, Anita Anand, disse em comunicado que o Canadá está profundamente comprometido em manter a estabilidade e a prosperidade globais na região do Indo-Pacífico.

"A passagem rotineira de hoje pelo Estreito de Taiwan demonstra nosso compromisso com um Indo-Pacífico livre, aberto e inclusivo", disse Anand.

O Ministério das Relações Exteriores de Taiwan disse: "Esta operação no Estreito de Taiwan é uma demonstração mais concreta da oposição resoluta de nossos aliados democráticos às tentativas de expansão da China".

Enquanto isso, um comando do Exército de Libertação Popular da China disse que monitorou e “alertou” navios em ambos os países.

"Sempre manteremos um alto nível de vigilância, responderemos resolutamente a todas as ameaças e provocações e defenderemos resolutamente a soberania nacional e a integridade territorial", disse em comunicado.

Fontes[editar | editar código-fonte]