Brexit não deve afetar relações entre Portugal e Reino Unido

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Agência Brasil

16 de novembro de 2016

A saída do Reino Unido da União Europeia (anunciada em junho, após o resultado do referendo conhecido como Brexit) não deve comprometer as relações bilaterais com Portugal, defendeu hoje (16), em Londres, o presidente português Marcelo Rebelo de Sousa, no início de uma visita oficial de trabalho. As informações são da Agência Lusa.

Num almoço com potenciais investidores britânicos em Portugal, Rebelo de Sousa saudou a longa aliança histórica entre os dois países, que remonta ao século XIV, e defendeu que a mesma deve permanecer próxima no futuro. "O mundo muda, a Europa muda, mas as nossas relações bilaterais não mudam", afirmou.

Agradecendo a oportunidade para o encontro com potenciais investidores, na qual esteve acompanhado pelo seu ministro das Finanças, Mário Centeno, o presidente português salientou o interesse em desenvolver as áreas das finanças, comércio, educação e transportes.

"Eu e o governo português estamos profundamente empenhados nesta ambição nacional de captar investimento estrangeiro direto essencial para manter [nosso] crescimento, empregos e desenvolvimento social e econômico", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, antes do almoço.

O Reino Unido anunciou que irá iniciar o processo de saída da União Europeia após o resultado do referendo de 23 de junho, conhecido como Brexit, no qual 52% dos eleitores votaram a favor da saída britânica da UE.

Notícia Relacionada[editar]

Fonte[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati