Obra no metrô de São Paulo desaba

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa

14 de janeiro de 2007

Obras do Metrô de São Paulo desabam.

O desabamento ocorreu perto da Estação Pinheiros

Um duto vertical de cerca 40 metros de diâmetro e 35 de profundidade no canteiro para a construção linha 4-Amarela entre as estações Pinheros e Faria Lima em São Paulo desabou. O acidente foi perto da estação Pinheiros, numa região densamente povoada na capital paulista[1]. O local do canteiro de obras fica localizado entre a Avenida das Nações Unidas, Rua Paes leme e Rua Capri[2] Vários automóveis cairam na cratera depois do desabamento. Imóveis circunvizinhos podem estar estruralmente comprometidos. Moradores de casas e edificíos perto do acidente foram retirados as pressas.[3][4][5]

Manifestação das autoridades

O governador do estado de São Paulo José Serra (PSDB) comentou o seguinte:

...
Obra no metrô de São Paulo desaba
Quem estiver lá dentro, terá sido vítima, mas não se sabe quantos
...
Obra no metrô de São Paulo desaba

—Referindo-se à perspectiva de sobrevivência das pessoas soterradas no acidente


O vice-governador do estado de São Paulo Alberto Goldman também comentou sobre o acidente:

...
Obra no metrô de São Paulo desaba
O grande volume de chuvas é previsível. A engenharia em algum momento falhou
...
Obra no metrô de São Paulo desaba

— Referindo-se à as causas do acidente, e culpando, a parte, a engenharia da construção


Ver também

Na Wikipédia há um artigo sobre Metrô de São Paulo.

Fontes