Tóquio pede que moradores fiquem em casa durante fim de semana prolongado

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

23 de julho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, pediu na quarta-feira aos moradores que fiquem em casa no fim de semana prolongado de quatro dias, devido ao aumento de casos da COVID-19 na capital.

Como Koike disse durante uma coletiva de imprensa, o número de casos na cidade excedeu 10 mil. Observando que serão necessárias análises científicas para determinar se essa é uma segunda onda do vírus, ela recomendou que todos se preparassem.

Na quarta-feira, Tóquio registrou mais de 200 novos casos pelo segundo dia consecutivo. Indicadores de três dígitos na cidade foram registrados ao longo de julho, com exceção de dois dias.

Falando sobre o longo fim de semana, Koike instou os moradores de Tóquio, especialmente os idosos e aqueles com condições médicas subjacentes, a "abster-se de caminhar sempre que possível". O feriado foi programado originalmente para coincidir com os Jogos Olímpicos, que foram adiados para o próximo ano.

O Japão não impôs uma quarentena nacional, mas as autoridades pediram para fechar fábricas e enviar funcionários para trabalho remoto. Desde abril, um estado de emergência está em vigor no país, que foi gradualmente afrouxando as medidas.

No total, o país registrou cerca de 26 mil casos confirmados de coronavírus e cerca de mil mortes.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit