Suprema Corte dos EUA autoriza a retomada da execução de detendos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bandeira dos Estados Unidos
Outras notícias sobre os Estados Unidos
Localização dos Estados Unidos
Localização dos Estados Unidos

29 de junho de 2020

A Suprema Corte dos Estados Unidos autorizou nesta segunda-feira a retomada da execução de detendos pelo governo do presidente Donald Trump. A Suprema Corte recusou o apelo de quatro detentos. Estas serão as primeiras execuções federais desde 2003 nos Estados Unidos.

Os detentos, condenados em tribunais federais por assassinato, apelaram depois que o Tribunal de Apelações dos EUA descartou a liminar de um juiz que havia bloqueado as execuções.

Os presos - Daniel Lee, Wesley Purkey, Alfred Bourgeois e Dustin Honken - estão programados para execução em julho e agosto em uma prisão federal em Terre Haute, Indiana. Lee, um supremacista branco, deve ser o primeiro executado em 13 de julho. Ele foi condenado em Arkansas pelas mortes por asfixia realizadas com um cúmplice de um traficante de armas, a esposa e sua filha de oito anos em 1996.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com