Secretaria de Saúde confirma mais quatro mortes por gripe suína em São Paulo

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Notícias relacionadas
Pessoas na Cidade do México vestindo máscaras em um trêm pelo vírus H1N1
Mais informações sobre a Gripe:


Agência Brasil

24 de julho de 2009

Brasil

A Secretaria de Saúde de São Paulo confirmou hoje (24) a morte de mais quatro pessoas em decorrência da influenza A (H1N1). Com isso, o número de mortos no estado subiu para 16. Segundo a secretaria, duas mortes ocorreram na capital e duas na região de Campinas, no interior paulista.

Uma das vítimas era uma mulher de 20 anos que estava no sétimo mês de gravidez. Internada em um hospital de Campinas no dia 17 de julho, devido a um quadro clínico indicativo de pneumonia, ela morreu na última terça-feira (21).

De acordo com a secretaria, em razão do estado da jovem, o parto foi antecipado. O bebê, cujo sexo não foi divulgado, passa bem, segundo a secretaria.

Outra vítima foi uma criança de 4 anos, do sexo feminino, com um histórico de internações por crise de asma e bronquiolite (inflamação dos bronquíolos). Internada em um hospital de São Paulo, no dia 16, devido a uma crise de broncoespasmo, ela foi levada para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) no dia seguinte e morreu no último domingo (19).

Na capital, a outra vítima foi um homem de 58 anos. Internado no dia 1º de julho, ele morreu na última terça-feira (21). Segundo a secretaria, o homem sofria de “graves problemas hepáticos”.

A quarta vítima foi uma mulher de 37 anos, moradora da região de Campinas, que morreu ontem (23). Ela estava internada desde o último dia 20 e seu quadro clínico evoluiu para uma “insuficiência respiratória”.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati