Putin e Macron conversaram por telefone

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

15 de setembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O presidente russo Vladimir Putin e o presidente francês Emmanuel Macron conversaram por telefone, informou a assessoria de imprensa do Kremlin.

O diálogo ocorreu por iniciativa do lado francês. O caso Navalny "foi amplamente discutido. Foi enfatizado que, para esclarecer as reais circunstâncias do incidente, é necessária a transferência de biomateriais para a Rússia, bem como o estabelecimento de um trabalho conjunto", diz a mensagem.

Durante a troca de opiniões sobre a Bielorrússia, foi confirmada a posição de princípio da Rússia sobre a inadmissibilidade de quaisquer tentativas de interferir nos assuntos internos deste país. Ambas as partes manifestaram interesse na rápida resolução da crise, através do diálogo construtivo.

"Durante a consideração do conflito interno ucraniano, foi expressa preocupação com a falta de progresso na implementação dos acordos de Minsk de 2015", diz a mensagem.

Vladimir Putin chamou atenção especial para as tentativas de Kiev de interpretar esses acordos à sua própria maneira e de cumprir seletivamente as obrigações.

Os problemas da Líbia também foram mencionados, em particular, a necessidade de mais esforços conjuntos para implementar as decisões da Conferência de Berlim (janeiro de 2020), consagradas na resolução 2510 do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Fontes

ru Путин и Макрон обсудили Украину, ситуацию в Белоруссии и дело НавальногоFinam, 15 de setembro de 2020

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com