Município do Rio Grande do Sul decreta situação de emergência após registrar três mortes por gripe suína

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

19 de julho de 2009

Brasil

Notícias relacionadas
Pessoas na Cidade do México vestindo máscaras em um trêm pelo vírus H1N1
Mais informações sobre a Gripe:


O município de Uruguaiana, no interior do Rio Grande do Sul, decretou situação de emergência por causa dos casos de influenza A (H1N1) – gripe suína. A medida foi tomada depois que três pessoas morreram na cidade em decorrência da doença, entre elas, uma mulher grávida de oito meses e uma menina de 5 anos.

Em nota, o prefeito de Uruguaiana, Sanchotene Felice, informou que agendou uma reunião para hoje (20) com o secretário de Saúde do estado, Osamra Terra, em Porto Alegre.

De acordo com a prefeitura, Uruguaiana é sede do maior porto seco da América Latina. Oitocentos caminhões transitam diariamente pela Ponte Internacional BrasilArgentina, o que “facilita contágios e enfermidades”, destaca a nota.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati