Morre cantora Gal Costa

9 de novembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Gal em 2008

A cantora brasileira Gal Costa, cuja voz cristalina e sensualidade transgressiva fizeram dela a musa do movimento revolucionário "Tropicalia" nos anos 60, morreu na manhã desta quarta-feira em São Paulo, anunciou sua assessoria de relações públicas. Ela tinha 77 anos.

"É com profunda tristeza e o coração apertado que comunicamos o falecimento da cantora Gal Costa, na manhã desta quarta, 09/11, em SP. Informações sobre o velório e sepultamento serão divulgadas posteriormente. Agradecemos o carinho de todos neste momento tão difícil", diz a nota divulgada por sua equipe no Twitter.

Com a seu cabelo cheio de caracóis castanhos e um sorriso sedutor, Gal cantou com alguns dos maiores nomes da florescente cena musical popular brasileira nos anos 60 e imortalizou muitas das suas canções, inclusive de Tom Jobim, Chico Buarque, Milton Nascimento e de seu grande amigo Caetano Veloso.

Gal, que vivia em São Paulo, tinha cancelado recentemente uma apresentação no festival de música Primavera Sound a conselho dos médicos, após ter sido operada em setembro para a remoção de um nódulo de sua cavidade nasal direita, de acordo com a imprensa.

Ela deixou um filho adotivo de 17 anos de idade.

Fontes