Micheletti diz que aceita renunciar e oferece anistia a Zelaya em troca de eleição

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

28 de agosto de 2009

Aristóteles
Outras notícias sobre política


O presidente interino de Honduras, Roberto Micheletti, afirmou que aceita renunciar ao cargo e ofereceu anistia ao presidente deposto, Manuel Zelaya, mas apenas como cidadão comum e não como líder de Estado. As informações são da agência argentina Télam.

De acordo com a BBC Brasil, a proposta de Micheletti prevê que o governo de Honduras seja entregue a uma terceira pessoa que irá conduzir o país até a realização de uma nova eleição. A campanha eleitoral em Honduras está prevista para começar no dia 1º de setembro.

Uma missão enviada pela Organização dos Estados Americanos (OEA) deixou o país na última quarta-feira (26) sem o compromisso de assinatura de um acordo que permita a volta do presidente deposto. Ontem (27), o secretário-geral da OEA, Miguel Insulza, afirmou que, apesar do fracasso da missão, havia “um clima” favorável de negociação com o governo interino.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati