Micheletti diz que aceita renunciar e oferece anistia a Zelaya em troca de eleição

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

28 de agosto de 2009

Aristóteles
Outras notícias sobre política


O presidente interino de Honduras, Roberto Micheletti, afirmou que aceita renunciar ao cargo e ofereceu anistia ao presidente deposto, Manuel Zelaya, mas apenas como cidadão comum e não como líder de Estado. As informações são da agência argentina Télam.

De acordo com a BBC Brasil, a proposta de Micheletti prevê que o governo de Honduras seja entregue a uma terceira pessoa que irá conduzir o país até a realização de uma nova eleição. A campanha eleitoral em Honduras está prevista para começar no dia 1º de setembro.

Uma missão enviada pela Organização dos Estados Americanos (OEA) deixou o país na última quarta-feira (26) sem o compromisso de assinatura de um acordo que permita a volta do presidente deposto. Ontem (27), o secretário-geral da OEA, Miguel Insulza, afirmou que, apesar do fracasso da missão, havia “um clima” favorável de negociação com o governo interino.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati