Mayra Aguiar perde para campeã mundial e vai à repescagem nas Olimpíadas de Tóquio 2020

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2020 Summer Olympics text logo.svg
Jogos Olímpicos de Verão de 2020

29 de julho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Mayra Aguiar despediu-se da batalha pela medalha de ouro nas Olimpíadas de Tóquio. A judoca gaúcha perdeu para a atual campeã mundial, a alemã Anna Maria Wagner, por wazari, e o placar de ouro precisou ser revisto nas Olimpíadas. Apesar da derrota, a brasileira, com duas medalhas olímpicas de bronze, segue em busca de outra na categoria até 78 kg.

Nas semifinais, Mayra enfrentará a russa Aleksandra Babintseva, 19ª colocada no ranking mundial. No torneio Grand Slam realizado em Dusseldorf em fevereiro do ano passado, a brasileira venceu no único confronto entre as duas.

Mayra é a única esperança brasileira de ganhar uma medalha no Judô. Gaúcha, ela conquistou as medalhas de bronze nas Olimpíadas de Londres de 2012 e nas Olimpíadas do Rio de 2016 e agora luta para se tornar a primeira mulher brasileira a conquistar três medalhas olímpicas em provas individuais.

Mayra, assim como em sua estreia, tentou ser agressiva. Desde o início da batalha, ela ficou na cabeça da alemã, tentando resistir aos golpes. Anna Maria também buscava maior controle sobre a brasileira para tornar a batalha mais equilibrada, porém, em menos de dois minutos, a gaúcha levou um shido por falta de combatividade. Ela levou outro shido durante o golden score, penalidade também aplicada à alemã, e a luta continuou em condições de igualdade até o wazari, que decretou a vitória de Anna Maria.

Nesta quinta-feira, outro judoca do país, Rafael Buzacarini, estreou e foi eliminado.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit