Justiça quebra sigilo de Protógenes Queiroz, diz o jornal “O Estado de S. Paulo”

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

10 de março de 2009

São Paulo SP, Brasil

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo de hoje, a Justiça Federal decretou a quebra do sigilo de 25 linhas de celulares e rádios utilizados pelo delegado Protógenes Queiroz, mentor da Operação Satiagraha, investigação contra o banqueiro Daniel Dantas.

A decisão acolhe pedido da Corregedoria da Polícia Federal, que investiga Protógenes por suposta quebra de sigilo funcional, monitoramento clandestino de políticos e autoridades e uso de arapongas da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) no cerco contra o dono do Grupo Opportunity.

Na edição desta semana, publicada em sábado dia 7, a revista Veja afirmou que o delegado investigou ilegalmente ex e atuais autoridades brasileiras.

Fontes