Jornalista acusa China e França de roubarem tecnologia americana

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

23 de maio de 2014

Estados Unidos

China e França são os campeões no roubo de tecnologia americana. Essa é a declaração do jornalista Fareed Zakaria no jornal Washington Post. Ele afirma que a China, por causa de suas ambições hegemônicas, pratica "a maior ladroeira da história humana" com seu aparato de espionagem informática e industrial. O especialista Peter Singer, da Brooking Institution, relatou que a China espionou todo o processo de desenvolvimento do jato americano F-35 Lightning II, que vai entrar em serviço em 2016, e está finalizando um jato com muitos componentes copiados.

Em uma conferência no Council on Foreign Relations, Robert Gates, ex-diretor da CIA e ex-Secretário de Defesa, afirmou que há cerca de 15 países roubando tecnologia americana através da espionagem informática. Ele colocou a França como o segundo país em espionagem, à frente da Rússia. Essas acusações são uma reação do governo americano às revelações de Edward Snowden sobre a rede de espionagem informática mundial americana. Antes, o secretário de Estado John Kerry havia defendido seu governo dizendo que todos os países faziam a mesma coisa.

Fontes[editar]