Iraque investiga morte de civis em Mosul

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Agência VOA

Acontecimentos de Mosul são de difícil precisão.

26 de março de 2017

O Iraque diz que está a investigar relatos sobre a morte de mais de 100 civis no oeste de Mosul, mas sublinhou que não há indicação imediata de que as mortes foram causadas por um ataque aéreo da coligação liderada pelos EUA.

As autoridades iraquianas informaram, hoje, que 61 corpos foram recuperados de um prédio destruído que albergava elementos do grupo Estado Islâmico na região, mas não havia sinais de que tivesse sido alvo dos ataques da coligação, apesar de uma grande bomba ter sido descoberta nas proximidades.

"As nossas forças ainda estão envolvidas em batalhas ferozes (…) as investigações estão em curso", lê-se no comunicado iraquiano.

A coalizão liderada pelos Estados Unidos reconheceu que atacou a área durante uma batalha para recuperar Mosul do controlo do Estado Islâmico.

Reporta-se que é difícil averiguar com precisão o que aconteceu, nos últimos dias, em Mosul.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati