Grã-Bretanha abre fronteiras para viajantes totalmente vacinados dos EUA e da maior parte da UE

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de agosto de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Grã-Bretanha abriu suas fronteiras para viajantes totalmente vacinados dos Estados Unidos e grande parte da Europa, à medida que o governo continua a diminuir as restrições de viagem ao coronavírus.

Segunda-feira foi o primeiro dia em que viajantes dos Estados Unidos e da maior parte da União Europeia chegaram à Grã-Bretanha sem entrar em quarentena.

Os recém-chegados ainda devem ser testados para o coronavírus antes de embarcar em um vôo para a Grã-Bretanha e dentro de dois dias após a chegada.

A Grã-Bretanha mantém os requisitos de quarentena para viajantes franceses, dizendo que o país tem um número preocupante de casos da variante beta em algumas áreas. A variante beta foi detectada pela primeira vez na África do Sul.

A Grã-Bretanha tem uma das maiores taxas de vacinação para sua população, com quase 90% dos adultos tomando pelo menos uma vacina.

O Brasil e a maior parte da Ámerica Latina continua ainda na lista vermelha de países que não é permitido a entrada na Inglaterra.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit