Gabriel Jesus, jogador do Palmeiras, é alvo de atos racistas no Uruguai

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pictograma representando o futebol
Outras notícias sobre futebol


9 de maio de 2016

Montevidéu — O atacante do Palmeiras, Gabriel Jesus, foi alvo de atos racistas de um torcedor uruguaio na partida contra o Nacional de Montevidéu, no Uruguai, válida pela Taça Libertadores da América ocorrida em 17 de março de 2016.

A cena, captada pela câmeras de televisão, mostra o torcedor imitando um macaco em direção ao jogador da equipe alviverde. O Palmeiras emitiu uma nota de repúdio ao ato e pediu providências da Conmebol.

Em abril, a Conmebol puniu o time uruguaio com um multa de 10 mil dólares.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati