Ex vice-presidente dos EUA, Al Gore, está sob investigação

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

2 de julho de 2010

Al Gore, quando era vice-presidente dos Estados Unidos.

O ex vice-presidente estadunidense e ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2007, Albert Arnold "Al" Gore Jr., está sob investigação devido à uma denúncia de assédio sexual, supostamente ocorrido em um hotel de Portland, Oregon. A massagista X, de X anos, acusou o político de ter mantido contato sexual sem o seu consentimento durante uma reunião ocorrida no dia 24 de outubro de 2006. Na época, a massagista denunciou Al Gore depois de dois meses do ocorrido, mas o processo foi cancelado devido ao fato de a suposta vítima ter se recusado à ser entrevistada por três detetives. No início de 2009 a polícia concluiu que não haviam provas suficientes.

Segundo Kalee Kreider, porta-voz do político, ele está tranqüilo e se diz inocente da acusação:


Cquote1.png

Os Gore não podem comentar toda difamação, equívoco, e histórias inexatas geradas por tablóides. Al Gore nega enfaticamente esta acusação desde que soube de sua existência há três anos.

Cquote2.svg
Kalee Kreider, porta-voz de Al Gore




Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com