Ex vice-presidente dos EUA, Al Gore, está sob investigação

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

2 de julho de 2010

Al Gore, quando era vice-presidente dos Estados Unidos.

O ex vice-presidente estadunidense e ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2007, Albert Arnold "Al" Gore Jr., está sob investigação devido à uma denúncia de assédio sexual, supostamente ocorrido em um hotel de Portland, Oregon. A massagista X, de X anos, acusou o político de ter mantido contato sexual sem o seu consentimento durante uma reunião ocorrida no dia 24 de outubro de 2006. Na época, a massagista denunciou Al Gore depois de dois meses do ocorrido, mas o processo foi cancelado devido ao fato de a suposta vítima ter se recusado à ser entrevistada por três detetives. No início de 2009 a polícia concluiu que não haviam provas suficientes.

Segundo Kalee Kreider, porta-voz do político, ele está tranqüilo e se diz inocente da acusação:


Cquote1.png

Os Gore não podem comentar toda difamação, equívoco, e histórias inexatas geradas por tablóides. Al Gore nega enfaticamente esta acusação desde que soube de sua existência há três anos.

Cquote2.svg
Kalee Kreider, porta-voz de Al Gore




Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati