Estado Islâmico assume autoria de atentado no Oeste do Paquistão

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira do Estado Islâmico

Agência Brasil

23 de junho de 2017

O grupo terrorista Estado Islâmico assumiu hoje, nesta sexta-feira, a autoria do atentado feito por um suicida nas proximidades do quartel-general da polícia na cidade de Quetta, no Oeste do Paquistão, que deixou, segundo o Estado Islâmico, cerca de 15 mortos.

Em um comunicado publicado nas redes sociais, cuja a veracidade não pôde ser comprovada, o Estado Islâmico identificou o autor do ataque suicida como Abu Ozman al Jarasani.

Segundo o grupo terrorista Estado Islâmico, Abu explodiu um cinturão que levava junto ao corpo no quartel da cidade de Quetta, que causou a morte de cerca de 15 pessoas, enquanto outras 15 pessoas ficaram feridas.

No entanto, um porta-voz policial do quartel, Abdul Wali, disse que pelo menos nove pessoas morreram, entre elas quatro policiais, e 18 ficaram feridas no atentado com uma bomba.

A explosão da bomba foi iniciada às 8h43 local (0h43, no Brasil), na área de Gulistan, bem perto do escritório do inspetor geral da polícia da cidade e de um posto de controle, em uma zona de alta segurança, afirmou o porta voz.

O Paquistão lançou em fevereiro desse ano uma operação militar em todo o Paquistão contra os insurgentes, intitulada como operação Radd-ul-Fasaad (Eliminação da discórdia).

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati