Saltar para o conteúdo

Covid-19: doses de vacina de reforço fornecem alto nível de proteção contra morte por Ômicron: diferenças entre revisões

Publicando noticia
[edição verificada][edição verificada]
(Publicando noticia)
 
(Publicando noticia)
 
{{Infotabela Reino Unido}}
{{COVID-19}}
{{data |28 de janeiro de 2022}}
Os dados mais recentes da Agência de Segurança da Saúde do Reino Unido (UKHSA) mostram que os reforços reduzem significativamente o risco de morte com Omicron[[w:Variante Ómicron do SARS-CoV-2|variante Ómicron do SARS-CoV-2]].
 
Os resultados mostram que cerca de 6 meses após uma segunda dose de qualquer uma das vacinas contra o coronavírus (COVID-19), a proteção contra a morte com Omicron foi de cerca de 60% naqueles com 50 anos ou mais. No entanto, isso aumentou para cerca de 95% 2 semanas após receber uma dose de vacina de reforço.