Em meio à epidemia causada pelo coronavírus, China reporta casos de gripe aviária

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de fevereiro de 2020

A China reportou ontem um surto de gripe aviária H5N1, tendo o governo já sacrificado cerca de 18 mil aves após o caso de infecção registrado numa fazenda na cidade de Shaoyang, província de Hunan, onde 4.500 frangos morreram no sábado, 01 de fevereiro.

Por ora, não houve contaminação de humanos.

A gripe aviária

Um surto de Gripe Aviária afetou Hong Kong em 1998 e a Ásia em meados dos anos 2000, obrigando governos a matar milhões de aves.

Segundo a OMS, a transmissão do H5N1 para humanos é rara - há cerca de 200 casos conhecidos - e geralmente acontece após contato prolongado com aves infectadas. No entanto, a letalidade do vírus é maior do que o da SARS, por exemplo, tendo uma taxa de 50% entre os humanos e cerca de 100% entre as aves.

Notícias Relacionadas

Fontes

China reporta surto de gripe aviária e abate quase 18 mil animais, 03 de fevereiro de 2020.

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com