Deslizamento de terra deixa pelo menos 120 desaparecidos na China

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Monumento na China

Agência Brasil

24 de junho de 2017

Um deslizamento de terra que ocorreu no feriado deste sábado, na província de Sichuan, no sudoeste da China, causou o desabamento de dezenas de casas e deixou cerca de 120 desaparecidos, de acordo com informações.

A Polícia do condado de Maoxian disseram que o incidente ocorreu após uma parte alta de uma montanha cair sobre a aldeia de Xinmo, por volta das 6h no seu horário local (19h no Brasil na sexta-feira).

Aproximadamente 62 casas ficaram soterradas, e dois quilômetros do curso de um rio e 1,6 mil metros de uma estrada ficaram sobre as rochas.

Segundo relatou o governo da região, o deslizamento foi causado devido às fortes chuvas que castigam a região.

No início, a agência de notícias Xinhua informou que havia aproximadamente 141 desaparecidos, mas logo após reduziu para 120 sem detalhar se as demais pessoas foram resgatadas.

Pelas palavras do porta-voz do governo de Sichuan, Tang Limin, uma equipe de resgate com aproximadamente mil pessoas seguiu para a região com várias retroescavadeiras e um instrumento de detecção de vida.

“As autoridades devem se esforçar ao máximo para reduzir as baixas e prevenir outros desastres”, afirmou Xi Jinping, ele disse ainda que os desaparecidos e os que sofram perdas pelo desastre “devem receber um cuidado especial”.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati