Depressão e erisipela: as doenças de Bolsonaro

17 de novembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O portal Metrópoles foi o primeiro ontem a "soar o alarme" de que o ainda presidente Jair Bolsonaro estaria em "estado depressivo". Pouco depois, outros veículos de imprensa fizeram coro, incluindo a revista Fórum, a Isto É, entre outros. À revista Fórum a doença mental de Bolsonaro foi confirmada por Paulo Pimenta, deputado federal pelo PT-RS, que disse que ele "não consegue nem fazer reunião".

Além disto, o atual presidente também estaria sofrendo de erisipela, segundo O Globo e o portal IG. A doença é uma infecção cutânea causada geralmente pela bactéria Streptococcus pyogenes e é mais comum em pessoas com diabetes mellitus, problemas cardiovasculares, imunodeprimidos ou imunossuprimidos, alcoolistas, obesos e idosos. Normalmente começa a regredir em 7 a 10 dias, mas alguns casos podem ser mais severos.

Não houve declarações oficiais do Palácio do Planalto sobre a saúde do ainda presidente, que deixa o cargo em 31 de dezembro de 2022.

Notícias Relacionadas

Fontes