Covid-19: TCU afirma que governo Bolsonaro foi omisso e cometeu "abuso de poder" na pandemia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

19 de abril de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Por Brasil de Fato

O estabelecimento da Comissão Parlamentar de Investigação "CPI de Covid" investigará as ações do governo Bolsonaro no Senado Federal e também deve considerar o relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) , em Final de abril.

Segundo técnicos da agência, o governo federal alterou o documento não só para se isentar da responsabilidade de liderar as ações durante a pandemia, mas também para não fiscalizar o abastecimento do que o posto de saúde chama de “kits de intubação”.

A primeira reunião do comitê está marcada para a próxima quarta-feira (21).

O dramático incidente sobre a escassez de itens usados ​​para intubação de pacientes com covid-19 teve início durante a gestão do ex-Ministro da Saúde, General Eduardo Pazuello. Em março, os militares adotaram uma série de medidas administrativas para comprar de forma centralizada os medicamentos que compõem o kit.

Na época, Pazuello acreditava que a centralização seria uma forma de melhorar a distribuição de mercadorias em todo o país. No entanto, desde o mês passado, os relatos da falta desses medicamentos tornaram-se mais frequentes.

Os itens que compõem o kit são narcóticos, sedativos e bloqueadores neuromusculares, essenciais para casos mais graves quando o paciente precisa de intubação.

Com essas informações, os procedimentos podem ser executados para levar oxigênio aos pulmões das pessoas que enfrentam as doenças mais graves.

Notícias Relacionadas

Fonte


Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit