Covid-19: Japão recolhe 1 milhão de vacinas da Moderna envazadas na Espanha por contaminação

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

26 de agosto de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Autoridades da Saúde do Japão foram obrigadas a recolher cerca de 1,63 milhões de doses da vacina contra covid-19 da Moderna, depois de se descobrir que lotes produzidos pelo Laboratório Rovi, da Espanha, estavam contaminados.

A contaminação foi registrada em frascos usados nas cidades de Ibaraki, Saitama, Tokio, Gifu e Aich, mas até agora nenhum efeito adverso foi notificado. No entanto, por precaução, a Takeda Pharmaceutical Co., farmacêutica japonesa responsável pela venda e distribuição da vacina no Japão, decidiu suspender o uso de todos os lotes vindos da empresa espanhola e pediu à Moderna que conduzisse uma investigação emergencial sobre o caso.

O Laboratório Rovi informou que apenas os lotes 3004667, 3004734 e 3004956 enviados ao Japão estavam contaminados com o que a Kyodo News informou serem "materiais estranhos".

Fontes


Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit