Coronavírus: OMS eleva risco global para "muito alto" e libera 15 milhões para ajudar a conter contaminações

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

1 de março de 2020

Portal Saúde
Outras notícias sobre saúde


A OMS (Organização Mundial da Saúde - em inglês: WHO) anunciou hoje a liberação de 15 milhões de dólares para ajudar a conter a propagação do Covid-19, após os casos de contaminação crescerem consideravelmente nos últimas dias na Itália, Irã e Coreia do Sul. A preocupação da organização é, principalmente, com os países mais pobres, com sistemas de saúde mais deficientes. Além disto, a entidade também elevou o risco global para "muito alto", apesar de ainda não declarar situação de "pandemia".

Aumento dos casos

"O aumento repentino de casos na Itália, Irã e Coréia é profundamente preocupante", escreveu a OMS em nota publicada em seu site. Novos dados da entidade mostram que hoje há casos confirmados em 58 países, enquanto que até uma semana atrás, dia 24, 29 países tinham reportado contaminações. São, portanto 19 países a mais em apenas uma semana, além de um total de 109 mortes confirmadas fora da China, país que continua sendo o mais afetado pela epidemia, com quase 3 mil mortes.

O Azerbaijão, o Catar, o Equador, a Irlanda e Mônaco são os países mais recentes a notificaram casos para a OMS.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com