Copa do Catar: Stéphanie Frappart se torna primeira mulher a apitar um jogo de uma Copa do Mundo masculina

Liverpool vs. Chelsea, 14 August 2019 60.jpg

5 de dezembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 


A francesa Stéphanie Frappart fez história no dia 1º passado ao se tornar a primeira mulher a apitar um jogo um numa Copa do Mundo de futebol masculino. Coube a ela controlar a partida entre Alemanha e Costa Rica, acompanhada de outras duas mulheres, a brasileira Neuza Back e a mexicana Karen Diaz.

Esta também foi a primeira vez que um trio de arbitragem composto só de mulheres apitou um jogo masculino da competição.

Frappart, de 38 anos, apitou sua primeira partida masculina aos 19 e atua como árbitra em partidas internacionais desde 2011. Ela apitou, por exemplo, a última final da Copa do Mundo de futebol feminino e a final da Supercopa da Uefa de 2019, entre Chelsea e Liverpool.

Nesta Copa, a do Catar, ela já havia sido o quarto árbitro nas partidas de México x Polónia e Portugal x Gana.

Foi premiada como a Melhor Árbitra do Mundo IFFHS em 2019, 2020 e 2021.

Notícias Relacionadas

Fontes