Congresso propôs treinar pilotos ucranianos para trabalhar em caças americanos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

24 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Dois membros da Câmara dos Representantes dos EUA apresentaram um projeto de lei para treinar pilotos e tripulações de caças ucranianos em aeronaves militares americanas modernas.

O projeto de lei, apresentado pelo congressista republicano Adam Kinzinger e pelo colega democrata Chrissy Holahan, permitiria que os EUA começassem a treinar pilotos e tripulantes ucranianos em caças americanos F-15 e F-16.

Independentemente de os EUA e seus aliados usarem ou não esse equipamento, o programa fortalecerá as forças armadas da Ucrânia e garantirá sua estabilidade e segurança a longo prazo, disseram os legisladores.

“É muito importante apoiarmos a Ucrânia em sua luta pela democracia e garantir que estamos preparados para qualquer potencial escalada russa”, disse Kinzinger em comunicado.

Hulahan admitiu que em algum momento os Estados Unidos podem decidir fornecer à Ucrânia caças F-15 e F-16.

“À medida que esse conflito continua, precisamos repensar nosso planejamento estratégico de longo prazo para ajudar nossos aliados ucranianos”, disse Hulahan. “Isso inclui treinar pilotos em novos tipos de aeronaves que possam estar disponíveis para eles. É simples: se nossos militares decidirem transferir aviões, precisamos que seus pilotos estejam prontos para usá-los imediatamente. Nossa iniciativa bipartidária fornecerá esse treinamento.”

Fontes