Confira o que pode e o que não pode no Enem

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

1 de novembro de 2019

Neste domingo (3) será aplicada a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em mais de 1,7 mil cidades de todo o país. O exame segue no próximo domingo (10). Quase 5,1 milhões de alunos estão inscritos na edição deste ano. Desses, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 2,4 milhões, o que representa quase metade do total, farão a prova pela primeira vez.

É importante, portanto, estar atento às regras para não correr o risco de ser eliminado, nem de perder a prova. Uma das primeiras medidas é verificar o local do exame, disponível na Página do Participante e no aplicativo do Enem, disponível para que possa ser baixado nas plataformas Apple Store e Google Play. O local de prova está no Cartão de Confirmação da Inscrição.

No dia do exame, é preciso tomar alguns cuidados. Antes de entrar na sala, os alunos receberão um envelope porta-objetos, onde deverão guardar tudo que é proibido na hora da prova. Esse envelope deve ser fechado e lacrado e deve ficar debaixo da cadeira até o fim da aplicação.

Veja o que é permitido e proibido no Enem:

O que é obrigatório levar para a prova do Enem:

O que é aconselhável levar para a prova:

  • Cartão de Confirmação de Inscrição;
  • Declaração de Comparecimento impressa.

O que é proibido:

  • borracha;
  • corretivo;
  • chave com alarme;
  • artigo de chapelaria;
  • impressos e anotações;
  • lápis;
  • lapiseira;
  • livros;
  • manuais;
  • régua;
  • óculos escuros;
  • caneta de material não transparente;
  • dispositivos eletrônicos (wearable tech, calculadoras, agendas eletrônicas, telefones celulares, smartphones, tablets, iPods, gravadores, pen drive, mp3, relógio, alarmes);
  • fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens.

Veja o que determina a eliminação:

  • Prestar declaração falsa ou inexata;
  • Perturbar a ordem no local de aplicação;
  • Comunicar-se, de qualquer forma, com pessoas que não sejam o aplicador ou o fiscal, a partir das 13h;
  • Utilizar, ou tentar utilizar, meio fraudulento em benefício próprio ou de outras pessoas;
  • Usar livros, notas, papéis ou impressos durante a aplicação;
  • Sair da sala, a partir das 13h, sem acompanhamento de um fiscal;
  • Sair da sala, definitivamente, antes das duas primeiras horas de prova;
  • Não entregar ao aplicador o cartão-resposta/folha de redação e a folha de rascunho;
  • Não entregar ao aplicador o caderno de questões, caso saia da sala definitivamente antes dos 30 minutos finais;
  • Recusar-se a entregar ao aplicador o cartão-resposta, a folha de redação e a folha de rascunho após 5 horas e 30 minutos de prova, no primeiro dia, e 5 horas, no segundo dia, com exceção das salas com tempo adicional;
  • Ausentar-se da sala com o cartão-resposta ou qualquer material de aplicação, com exceção do caderno de questões, ao deixar a sala definitivamente nos 30 minutos que antecedem o término das provas;
  • Realizar anotações no caderno de questões, no cartão-resposta, na folha de redação, na folha de rascunho e nos demais documentos do Exame, antes do início das provas;
  • Descumprir as orientações da equipe de aplicação;
  • Recusar-se a ser submetido à revista eletrônica, a coletar o dado biométrico e a ter os objetos revistados eletronicamente;
  • Não aguardar na sala de provas, entre as 13h e 13h30, os procedimentos de segurança, exceto para a ida ao banheiro acompanhado por um fiscal;
  • Iniciar as provas antes das 13h30 ou da autorização;
  • Proibir que o lanche seja vistoriado;
  • Proibir que artigos religiosos (burca, quipá e outros) sejam revistados pelo coordenador;
  • Portar, na sala de provas, objetos proibidos pelo edital;
  • Usar óculos escuros e/ou artigos de chapelaria (boné, chapéu, viseira, gorro ou qualquer acessório que cubra os cabelos ou as orelhas);
  • Proibir que materiais próprios (máquina Perkins, reglete, punção, sorobã ou cubaritmo, caneta de ponta grossa, tiposcópio, assinador, óculos especiais, lupa, telelupa, luminária e/ou tábuas de apoio) sejam revistados;
  • Portar arma de qualquer espécie;
  • Receber informações referentes ao conteúdo das provas;
  • Realizar anotações em outros objetos ou qualquer documento que não seja o cartão-resposta, o caderno de questões, a folha de redação e a folha de rascunho;
  • Permanecer no local de provas sem documento de identificação válido;
  • Utilizar qualquer dispositivo eletrônico no local de provas;
  • Ingressar na sala com o telefone celular e/ou quaisquer outros equipamentos eletrônicos fora do envelope porta-objetos;
  • Não manter, debaixo da carteira, o envelope porta-objetos lacrado e identificado, desde o ingresso até a saída definitiva da sala de provas;
  • Não manter aparelhos eletrônicos (celular e tablet) desligados no envelope porta-objetos desde o ingresso na sala de provas até a saída definitiva da sala de provas;
  • Permitir que o aparelho eletrônico, mesmo dentro do envelope porta-objetos, emita qualquer tipo de som, como toque ou alarme.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com