Com atletas impedidos de participar, Afeganistão tem bandeira carregada por representante na abertura dos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

24 de agosto de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Na cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos, realizada em Tóquio nesta terça-feira (24), a bandeira do Afeganistão foi segurada por um representante de um não atleta do país. Devido ao poder do Talibã, os atletas deficientes afegãos não podem viajar a Tóquio para participar da competição.

O presidente do Comitê Paralímpico Internacional, Andrew Parsons, disse na segunda-feira que um representante do Alto Comissariado da ONU para Refugiados hasteará a bandeira afegã como "sinal de solidariedade".

A atleta de taekwondo de 23 anos Zakia Khudadadi e a atleta de disco Hossain Rasouli de 24 anos serão os únicos atletas no Afeganistão participando dos Jogos Japoneses.

Parsons disse que haverá 162 delegações presentes, incluindo atletas refugiados. O nadador afegão Abbas Karimi participará da competição como parte da seleção de refugiados paraolímpicos.

Fonte