Cientistas revelam existência de bactérias e DNA humano em pinturas de Leonardo da Vinci

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mona Lisa

21 de novembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Os pesquisadores acreditam que esta pintura foi "contaminada" por vários restauradores e outros que lidam com a arte multifacetada italiana há séculos. O portal EurekAlert relatou que uma grande quantidade de DNA humano foi encontrada em seis pinturas de Leonardo da Vinci.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com