Cientistas dos EUA dizem que as partículas do COVID-19 podem se espalhar até 4,8 metros a partir de pessoas infectadas

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

16 de agosto de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Agência VOA

Cientistas americanos afirmam ter isolado partículas infecciosas do coronavírus a até 4,8 metros de distância de pacientes hospitalizados.

Os cientistas disseram que a distância de 2 metros amplamente aceita, aconselhada a observar o distanciamento social, fornece uma “falsa sensação de segurança” e pode resultar em grandes grupos de pessoas expostas à doença. O estudo, conduzido na University of Florida Health Shands Hospital, não foi revisado por pares.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com