Caso BPN: Dias Loureiro não tem nada em seu nome, diz jornal

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

14 de junho de 2009

Lisboa, Portugal — Segundo a publicação do jornal Correio da Manhã (CM), da última segunda-feira (8), o antigo Conselheiro de Estado, Dias Loureiro não tem bens em seu nome que possam ser penhorados no âmbito da investigação ao BPN e o saldo médio das suas contas bancárias não ultrapassa os cinco mil euros.

Loureiro, (que também já foi administrador da Sociedade Lusa de Negócios (SLN) que detinha o banco antes da nacionalização e braço-direito de Oliveira e Costa no banco) escapou à penhora, depois de os investigadores terem concluído Dias Loureiro não tem imóveis registados em seu nome e as suas contas bancárias possuem saldos médios que não ultrapassam os cinco mil euros.

O CM disse que os imóveis estão todos registados em nome de familiares ou pertencem a empresas sedeadas em paraísos fiscais dele. Estratégia semelhante à que foi usada por Oliveira Costa, antigo presidente do BPN, que se encontra em prisão preventiva.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com