Carta de amor é publicada por engano no Diário Oficial da Justiça do Trabalho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

1 de março de 2012

Brasil

Uma carta de amor foi parar no Diário Oficial do Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região, que tem sua sede localizada na Paraíba.[1][2][3]

O Presidente do TRT, Desembargador Paulo Maia Filho, também decidiu pela imediata abertura de processo administrativo disciplinar para a apuração da ocorrência pela Comissão Permanente de Processo Administrativo Disciplinar do TRT.[4][5] A carta faz referência a vida pessoal de uma servidora, que assina a publicação como Marta.[6] Após o problema, ela pediu exoneração do cargo e o pedido foi atendido pela presidência.[7][8]

Referências[editar]

  1. 'Carta de amor' vai parar no Diário Oficial
  2. 'Carta de amor' vai parar no Diário da Justiça do Trabalho da Paraíba
  3. VIDEO: Jornal Hoje repercute carta de amor publicada no site do TRT. Assista!, Diamante Online
  4. Servidora que escreveu carta amorosa publicada no Diário Oficial é exonerada e responde processo; leia
  5. Carta de amor é publicada no Diário Oficial da Justiça do Trabalho
  6. Carta de amor é publicada por engano no Diário da Justiça do Trabalho
  7. Carta de amor é publicada no Diário da Justiça do Trabalho da Paraíba
  8. Carta de amor vai parar no Diário Oficial na Paraíba, com vídeo

Ligações externas[editar]

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati